"Você encontra milhares de pessoas e nenhuma delas te tocam, e então, você encontra uma pessoa, e a sua vida muda. Para sempre."
(Love & Other Drugs)

PROCURAR CAPÍTULO

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Capítulo 59: Namora comigo?


Capítulo Anterior:
Ela mordia os próprios lábios, enquanto exercia o ato. Sem poder aguentar meus olhos abertos, os fechei. Mais alguns movimentos de Demi e eu gozei. Soltei um alto gemido.
Abri os olhos e ela me olhava com um sorriso malicioso de orelha a orelha. Devia estar feliz com seu “trabalho” bem feito. Eu estava!



CAPÍTULO HOT
Se não tem maturidade para ler certas coisas, não leia!

  Joe On

              Demi me empurrou e saiu da piscina, andando lentamente e sensualmente.
Andar sensualmente, isso era natural dela. Fiquei a olhando e ela me olhou como se perguntasse: “Vai ficar ai?” Sem demoras, sai da piscina. Por conta dos meus pés molhados e do piso escorregadio, eu cai. Demi começou a rir. Revirei os olhos, mas no final acabei rindo também. Levantei-me e caminhei até ela, que estava encostada na parede. A segurei pela cintura e a puxei com força pra mim.
- Joe: Do que está rindo? – Perguntei, com a voz rouca. Ela parou de rir.
Não permiti que ela respondesse, a beijei sem que ela esperasse. Novamente as mãos de Demi foram parar em minha nuca, enquanto uma das minhas mãos, foram parar em seu cabelo, os segurando firmemente.
Prensei Demi contra parede e contra meu corpo. Ela gemeu ao sentir meu membro ereto, mais uma vez. Envolveu suas pernas em cintura. A minha mão, que antes estava  em seu cabelo, foi parar em seu seio esquerdo, o apertando sem força. Demi gemeu. Subi minha mão, que estava na sua coxa, até o seu seio direito. Comecei a massagear seus seios. Massageando e apertando. Ela gemia por diversas vezes entre o beijo. Isso me excitava... Mais.
Já estávamos naquela posição ao certo tempo, e já estava na hora. Retirei minhas mãos dos seios de Demi e desci para suas coxas. Firmei Demi em meu colo – que permanecia com as pernas envolvidas em minha cintura – e caminhei com ela, até o colchão inflável. Caminhei meio as cegas, porque ainda mantínhamos nossos lábios colados. Abaixei-me cuidadosamente com Demi em meu colo e a deitei no colchão.
Separamos nossos corpos por alguns minutos, para podermos arranjar uma maneira confortável de deitar no colchão.
               Estava deitado por cima de Demi, nós nos beijamos rapidamente.
Nossas línguas se moviam rapidamente e ferozmente, nossas línguas se entrelaçavam e brincavam uma com a outra. Demi arranhava minhas costas, com tanto força, que com certeza deixaria marcas.
Demi separou seus lábios dos meus, abri meus olhos. Ela já estava com os olhos abertas. Respiração ofegante e cabelos grudados na testa, por conta da água da piscina e do suor – deduzi.
- Demi: Joe... – Me chamou, com a voz rouca. – Ca-camisinha... – Gaguejou.
Lembrei-me que a camisinha estava na carteira, que estava no bolso do calção. Merda!
- Joe: Espera aí! – Falei, me levantando. Corri rápido, mas com cuidado para não cair novamente e procurei meu calção, que estava na borda da piscina. Peguei meu calção e procurei minha carteira. Retirei um pacote de camisinha e caminhei de volta para Demi. Ela me olhava com impaciência. Fiquei de joelhos no colchão, entre as pernas de Demi. Abri a embalagem metalizada com a boca e dei para Demi. Queria que colocasse. Gostava disso. Ela tomou a camisinha em sua mão e pôs delicadamente em meu membro. Senti um leve arrepio ao sentir as mãos de Demi em contato com meu membro ereto.
Deitei-me completamente por cima de Demi, posicionei minhas mãos em sua cintura, enquanto ela, mais uma vez, envolvia seus braços em minha nuca. Encostei nossas testas e a ponta de nosso nariz. Sem aviso prévio, penetrei-a. Ela gemeu e em seguida mordeu meu lábio inferior.
               Comecei com estocadas lentas e precisas, que foram aumentando
gradualmente. Nosso contato visual em momento foi quebrado, era como se estivéssemos hipnotizados e não pudéssemos quebrar nosso contato visual. E isso era maravilhoso, extraordinário. Nossos gemidos eram em conjunto e inevitáveis. A cada estocada, nossos gemidos eram mais alto, mais desesperados.
As estocadas já estavam em um nível muito alto. Eram fortes, rápidas e violentas, mas ainda sim, precisas. O quadril de Demi batia com tamanha força contra o meu. Escorria suor por minha testa, e pela testa de Demi também. Sua respiração era ofegante e se misturava com a minha, que estava do mesmo modo. Seu cheiro se unia com o meu, formando um só. O nosso cheiro.
Mais três ou quatro, rápidas e violentas estocadas e nós gozamos juntos. Soltamos em coro, um gemido alto. Sem pensar, colei meus lábios aos de Demi, precisa senti-los, morde-los. O beijo foi rápido, pois tanto ela, como eu, estávamos cansados. Separei nossos lábios com selinhos demorados. Sai de dentro de Demi e em seguida retirei a camisinha, a enrolei, em seguida me levantei e toquei a camisinha no lixo. Deitei-me ao lado de Demi, a cobri com a manta, que havia trazido. Ela tentava estabilizar sua respiração. Aproveitando que Demi estava de costas, distribui beijos por ali, não me importando com o suor. Beijei suavemente suas costas e inalei seu maravilhoso cheiro, que estava misturado com o meu. Aquilo era como estar no paraíso. Demi se virou, ela estava sorrindo. Ela começou a fazer carinho em meu rosto, retirando os fios de cabelo, que estavam grudados em minha testa por conta do suor. Fez um carinho tão gostoso na minha bochecha, que quando parou, foi quase como se sentir vazio.
- Joe: Eu amo você... Muito! – Falei sorrindo. Imediatamente, vi aquele maravilhoso sorriso, que só ela saber dar, se abrindo em seu rosto.
- Demi: Eu também amo muito você! – Falou sorrindo. Ela se aproximou de mim, fazendo com que todo espaço existente entre nós, sumisse. Inclinou sua cabeça para a curva do meu pescoço e senti que ela estava cheirando meu pescoço. Ela beijou o local. Em seguida foi subindo os beijos. Beijou todo meu pescoço, depois todo meu queixo, beijou todos os cantos possíveis de minha boca e depois colou seus lábios aos meus.
O beijo era lento, calmo e nossas línguas se moviam em uma lentidão perfeita. Toda vez que nós beijávamos assim, me sentia completo. Sentia-me vivo. Eu a amava, ela me amava. Nós nos amávamos. Ela é a melhor garota que eu já conheci. A única que em todos esses anos, me fez sentir assim. Eu a amava e muito! Diria isso a ela, quantas vezes ela quisesse ouvir, porque era a verdade.
Demi separou seus lábios dos meus e em seguida ela abraçou. Ela beijou meu peito nu, não se importou de eu estar totalmente suado. Sorri com isso.
- Demi: Estou com fome... – Falou manhosa, me olhando. Ri ao escuta-la, falando assim. Demetria Lovato, a rebelde que me odiava, agora era,  Demetria Lovato a garota que eu amava.
- Joe: Não preciso de comida, tenho tudo aqui! – Falei, sorrindo malicioso. Ela revirou os olhos, mas depois riu.
- Demi: Você me trouxe aqui, se aproveitou de mim e vai me deixar com fome? – Perguntou, fingindo uma falsa inocência.
- Joe: Como é que é? Aproveitei-me de você? Você parecia estar gostando, quando eu estava em cima de você. – Falei divertido. Nós rimos.
- Demi: Calado, Jonas! – Falou rindo. Ela me deu um soco no braço. E doeu, ela é forte!
- Joe: Já disse o quanto você é sexy, me chamando de Jonas? – Perguntei, a olhando.
- Demi: Jonas... Eu sou sexy! – Afirmou. Levantou-se.
Enquanto ela andava, eu fiquei a admirando, ou melhor, babando por ela. Ela era realmente linda. E sexy! Ri ao pensar isso. Ela vestiu minha blusa e caminhou de volta.
Sentou-se em meu colo, com as pernas de cada lado do meu corpo, agachou-se e distribuiu um selinho demora em meus lábios.
- Demi: Sou muito mais sexy, vestindo suas roupas. – Sussurrou sensualmente, no meu ouvido. Ri malicioso, passando minha língua por meu lábio inferior. Ela gargalhou.
- Joe: Sim, você é sexy. Totalmente sexy! – Falei sorrindo. Estava obcecado pela garota, que sorria em minha frente.
Ela saiu do meu colo e sentou-se entre meus pés, com as pernas esticadas, fazendo com que seus pés chegassem a mim. Comecei a fazer cócegas e ela se contorcia de tanto rir. Fiquei fazendo isso por muito tempo. Ela ria das cócegas e eu ria da sua risada, que era encantadora.
         Já estávamos sentados nas almofadas, em frente a pequena mesa.
Havia feito macarronada e batata frita e trazido na bolsa térmica, para nós comermos. Demi gostou da macarronada. Enquanto comíamos conversamos sobre diversos assuntos, riamos como nunca e Demi, como sempre, tirava fotos. Comíamos macarronada e tomávamos energético de uva.
- Demi: Sua macarronada é a melhor do mundo! – Falou animada, enquanto lambia os dedos.
- Joe: Ótimo! Vamos comer panquecas pela da vida... – Falei divertido e ela riu. – Mas você tem que experimentar minhas panquecas! – Falei convencido. – Tenho uma coisa para você! – Falei, pegando minha mochila. Retirei da minha mochila, uma caixa azul de tamanho pequeno, com uma fita branca em cima.
- Demi: O que é isso? – Perguntou curiosa.
- Joe: Abre. – Falei, enquanto lhe entregava a caixa. Ela fez uma expressão de desconfiança.
Tomou a caixa em suas mãos, retirou o laço branco e retirou a tampa. Pegou as duas alianças – as alianças que ela havia comprado, as nossas alianças – que havia ali dentro. Ela me olhou com a boca aberta.
- Joe: Eu ainda sou o significado do amor para você? – Perguntei, me referindo á frase que estava em sua aliança.
- Demi: “The love is all about you” (O amor é tudo sobre você). – Ela leu, o que estava escrito na aliança que eu usaria. Ela me olhou, como se fosse chorar, mas não o fez.
- Joe: Namora comigo? – Perguntei sorrindo. E foi nesse momento em que eu vi o sorriso mais bonito da minha vida. Ela não respondeu nada, apenas pulou no meu colo e me beijou. O beijo foi rápido. Quando ela separou nossos lábios, ainda sorria e eu sorria feito um bobo pra ela. – Eu sei que isso foi um “Sim”, mas por favor diga, só me sentir essa sensação. – Falei, passando a mão no seu cabelo.
- Demi: SIM! – Gritou e em seguida, soltou aquela risada maravilhosa.
Novamente estava nos beijamos. Nosso beijo era lento, nossas línguas moviam em lentidão e se entrelaçavam uma a outra. Demi mordia meus lábios por diversas vezes. E eu adorava isso.
Separamos nossos lábios e ficamos alguns minutos nos olhando e sorrindo, igual a dois bobos... Bobos apaixonados! Meu subconsciente gritou feliz.
              Peguei as alianças em cima da mesa e coloquei a de Demi, no dedo dela,
ela fez o mesmo comigo. Era oficial, estávamos namorando! E eu? Bem, eu estava completamente feliz.
Joe Of
Autora On
                 Na aliança de Demi estava gravado “Joseph” – na parte de fora – e
“I found the meaning of Love” (Eu encontrei o significado do amor) – na parte de dentro. Enquanto na de Joe, estava gravado “Demetria” – parte de fora – e “The love is all about you” (O amor é tudo sobre você) – na parte de dentro.
Finalmente Joe e Demi estavam juntos! Depois de tantas brigas, desentendimentos e provocações infantis, eles estavam juntos... Estavam namorando!
Descobriram fortes sentimentos um pelo outro, um sentimento chamado amor.
Descobriram que só um podia completar o outro, que só um podia salvar o outro.
                  Era muito mais que alianças, que palavras e sorrisos... Era amor.
Um amava o outro e disso eles tinham certeza. Eles sabiam que daqui para frente á única coisa que queriam era estar juntos, estar se amando...
-------------X---------
Desculpa por demorar a postar, é que estou muito ocupada com as provas e o meu curso, espero que possam entender. Espero que gostem desse capítulo hot, tentei fazer o melhor, mas realmente eu não gostei, então espero que VOCÊS gostem! Beijos! 6 comentários p próximo cap!

7 comentários:

  1. Mto lindo, perfeito... slá n tem como descrever

    ResponderExcluir
  2. Ateee que enfiim o cabeça dura do joseph tomou uma atitude neh....

    ResponderExcluir
  3. PAULAAAAAAAAAAAAAA, PAU PAU! QUANTO TEMPO!!!!! POSTA LOGO, EU ADOREI ESSE CAP, TA DMS! bjs lua

    ResponderExcluir
  4. ja passou 1 minuto e vc n postou!!

    ResponderExcluir
  5. To brava, 2 minutos! POSTA LOGO PAU PAU!!!

    ResponderExcluir
  6. postaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  7. Nova seguidora !

    diva, divulga meus blog, meu antigo vou hackiado e estou recomeçando.
    . http://deatherineforever-s2.blogspot.com.br/
    . http://deatherineforever.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir